Translate

26 de fevereiro de 2013

A Orquestra Sinfônica Heliópolis está com vagas abertas


A Orquestra Sinfônica Heliópolis está com VAGAS ABERTAS para VIOLINO, VIOLA, VIOLONCELO, FLAUTA/PICCOLO, OBOÉ e FAGOTE. A idade máxima para os participantes é de 25 anos. As inscrições são gratuitas.

Inscrições: De 25/02/2013 a 10/03/2013
Testes: 18 e 19 de março , no Instituto Baccarelli. A confirmação da data e horário do teste virá via e-mail após o encerramento das inscrições.CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER


Bolsa auxílio inicial: R$ 1400 – Podendo chegar até R$ 3000

ESTUDE O REPERTÓRIO! Ao preencher a sua ficha de inscrição, você terá acesso ao repertório dos testes para cada instrumento.
Dúvidas: novasvagas@institutobaccarelli.org.br
TEL: 3506-4651/4652


Isaac Karabtchevsky
Além de ter direção artística e regência de Isaac Karabtchevskyum dos principais maestros do País, a Orquestra Sinfônica Heliópolis conta com os melhores professores do mercado. Entre eles, os que darão aulas aos novos músicos da Orquestra Sinfônica Heliópolis. São eles:

André Sanches (violino)
Andrea Campos (violino)
Claudio Micheletti (violino)
Pedro Della Rolle (violino)
Ricardo Takahashi (violino)
Alexandre Razera (viola)
Renato Bandel (viola)
Andre Micheletti (violoncelo)
Rodrigo Andrade (violoncelo)
Rogério Wolf (flauta)
Joel Gisiger (oboé)
Peter Apps (oboé)
Ronaldo Pacheco (fagote)


Perguntamos a alguns de nossos professores: Por que ser um músico do Instituto Baccarelli?






"Porque aqui tem toda a estrutura propícia para o crescimento dos alunos, em todos os sentidos!" - Andrea Campos (violino) 





"Aqui você encontra os melhores professores na melhor estrutura física do Brasil! E ainda recebe para isso!" - Renato Bandel (viola) 












"Ser aluno do Instituto Baccarelli é poder ter aulas com excelentes professores, num prédio com todo o equipamento necessário,  aprender a tocar em orquestra com professores experientes, contar com uma programação artística comparável a qualquer grande orquestra e ser regido pelo melhor maestro do Brasil." - Alexandre Rosa (contrabaixo)












Divulgue!



8 de fevereiro de 2013

Recital de Violinos impressiona músicos do Instituto Baccarelli



Os violinistas Daniel Auner e Barbara Galante durante a apresentação na Sala de Ensaio do Coral, no Instituto Baccarelli

Os músicos do Instituto Baccarelli que compareceram à Sala de Ensaio do Coral nesta quinta-feira (07) terminaram o dia extasiados. “Vocês viram aquilo?”, perguntou Henrique Oliveira, violinista da Sinfônica Heliópolis, no caminho de volta para casa. "Aqueles dois tocam demais!". Henrique se referia aos talentosos jovens violinistas que apresentaram o Recital Duo Mozartiano dentro do Instituto no fim da tarde de ontem: o austríaco Daniel Auner e a brasileira Barbara de Menezes Galante, que atualmente estuda na Universidade de Música e Performances Artísticas de Viena.

Por pelo menos uma hora, a dupla trouxe um repertório apurado, que começou com a Sonata para 2 Violinos Nº 5, do compositor e violinista francês Jean-Marie Leclair, e terminou com a Sonata Op. 56 para 2 Violinos, do compositor russo Serge Prokofiev.

O Duo

Daniel Auner e Barbara de Menezes Galante foram convidados pela Embaixada da Áustria em Brasília para realizar concertos em Duo de violinos no Brasil. As apresentações acontecem entre os dias 1 e 9 de fevereiro de 2013.

Recentemente, Auner ganhou três importantes competições internacionais: Johannes Brahms Competition, Violin Dresden e Klassik Preis Österheich. Os últimos projetos de maior expressão do músico foram os concertos realizados na Haydn Eisenstadt Hall e no Viena Konzerthaus, na Áustria, respeitosamente lotados. No último ano, ao lado do pianista Robin Green, realizou recitais em Londres, Roma, Bratislava, Nova York, Washington, Cidade do México e Sófia.

Já Barbara tem se destacado como uma das Spallas da Philharmonie Salzburg. É também membro da Salzburg Chamber Soloists (Câmara de Solistas de Salzburgo).

Veja todas as fotos do Duo Mozartiano

7 de fevereiro de 2013

Série especial de Rádio apresenta os instrumentos da orquestra


  Fotógrafo: Bruno FernandesFoto tirada no Instituto Baccarelli, em Nov/11.

  

Quais são as diferenças entre viola e violino? Qual é o instrumento com o som mais grave em um naipe de cordas de uma orquestra? O que é naipe? Por que o naipe de madeiras leva esse nome se nem todos os instrumentos pertencentes a ele são feitos de madeira? A flauta, por exemplo, é de metal...

É para tirar dúvidas como essas e trazer curiosidades  sobre os instrumentos de uma Orquestra Sinfônica que a Rádio CBN leva ao ar, desde o dia 22 de janeiro, uma série especial de verão dividida em 12 capítulos. "VivaMúsica! E os instrumentos da orquestra" tem apresentação da jornalista Heloísa Fischer, diretora-geral da VivaMúsica! Edições, e fica no ar até o dia 28 de fevereiro, sempre às terças e quintas, às 16h10.

Cada episódio é estruturado da seguinte maneira: primeiro, a jornalista fala do instrumento e localiza o naipe dele na orquestra; depois, ela dá um exemplo de música clássica brasileira para aquele instrumento; e, por fim, ela indica os artistas que são referências naquele instrumento em todo o mundo.

Vale lembrar que a série trata apenas dos instrumentos de orquestra, e não de todos os instrumentos usados na música clássica. Por isso, alguns deles – como violão e cravo – ficam de fora dos episódios.


VivaMúsica!

A editora, fundada em 1994 pela jornalista Heloísa Fischer, publica o anuário profissional do setor de clássicos, a revista mensal de programação clássica do Rio de Janeiro, e mantem um site com roteiro de concertos do Rio e de São Paulo. É parceira das rádios CBN e MEC FM do Rio de Janeiro na realização de programas regulares.

Anos depois, o desejo de facilitar o acesso ao universo clássico no Brasil fez surgir o Instituto VivaMúsica!. O projeto busca maneiras alternativas às salas de concertos para levar a música clássica a jovens plateias do país.